18.6.10

O efeito da Injustiça é a Desordem!

Em nossas cidades, estamos vendo a desordem e a injustiça social vencerem a Lei e a Ordem. É só abrir um jornal ou assistir a um programa jornalístico na TV e teremos a sensação de vivermos num ambiente em processo de degradação.
Perdemos a bussola (o referencial), não temos mais o norte que indicaria a saída; o que era errado ontem, hoje é o certo e vice-versa.
Inúmeras partes vitais de nossa sociedade encontram-se em franco estado de falência, mas vejamos a situação em apenas duas atividades importantes para a vida da sociedade brasileira.
Os meios de comunicação, especialmente a televisão, funcionam como que para destruir a sociedade. Induzem ao consumo desnecessário e criam novas e falsas “necessidades”, que geram somente frustrações. São utilizados como veículos de maus costumes, imoralidade, destruição de princípios, violência e vícios. E como se isso não bastasse, criam e impõem suas opiniões ao público, ou seja, formam a opinião pública que lhes interessa, chegando ao ponto de influenciarem ilicitamente até na eleição de políticos. Sabemos que esse problema não é exclusividade nossa; mas em nosso país, porém, muitas vezes ele tem tomado dimensões alarmantes.
Cabe citar aqui também o nosso sistema legal. Temos leis em grande quantidade apenas para serem desrespeitadas, segundo nos mostra a prática da grande maioria.Tal procedimento vem gerando a indisciplina estabelecida na sociedade. As leis são burladas em todos os níveis. Criam-se ou mudam-se leis em beneficio próprio. Para agravar mais a situação, o poder judiciário é pobre em recursos e em pessoal, sendo conseqüentemente vagaroso demais e impedido pela burocracia geral, prejudicando-se assim a prática efetiva da justiça. Quantos milhares de infratores da lei não são punidos e estão soltos por estas razões, sem contar os já condenados que estão soltos por não haver lugar onde colocá-los.
Fomos informados e estamos muito decepcionados com a comemoração de que o nosso Estado (RS) será o maior pólo produtor de fumo do mundo às custas de isenções de impostos (20 anos) para uma das mais bem sucedida empresa do ramo a nível mundial.
Certamente iremos trocar o tão famoso slogan que tornou o nosso Estado tão conhecido, aquele de que:
“Rio Grande celeiro de grãos do Brasil” para “Rio Grande celeiro de câncer nos pulmões para o Brasil”.